Sesc Registro recebe medalhistas paralímpicos Thiago Pupo e Giovane Vieira, da Escola Municipal de Canoagem e do Polo Nacional de Paracanoagem da Ilha
Sesc Registro recebe medalhistas paralímpicos Thiago Pupo e Giovane Vieira, da Escola Municipal de Canoagem e do Polo Nacional de Paracanoagem da Ilha Comprida
 
Bate-papo com o técnico e o atleta da seleção brasileira de Paracanoagem será nesta quinta (dia 8), às 19h.
 
São muitas as conquistas e títulos que eles carregam bem como vários os desafios que enfrentaram ao longo das respectivas trajetórias como técnico e atleta da seleção brasileira de paracanoagem. Para conversar com o público do Vale do Ribeira e contar sobre suas histórias no esporte e as experiências que vivem na paracanoagem brasileira, Thiago Pupo (o técnico) e Giovane Vieira (o paratleta) participam da Resenha de Paracanoagem que o Sesc Registro realiza nesta quinta-feira (dia 8), a partir das 19h.
 
O bate-papo faz parte do Sesc Verão, projeto do Sesc São Paulo que busca incentivar pessoas de todas as idades a praticarem atividades físicas, por meio de uma programação gratuita e inspirada, nesta edição, nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Paris (França).
 
Como técnico da seleção brasileira de paracanoagem desde 2013, Thiago Pupo acumula mais de uma dezena de títulos como campeão e vice em competições da modalidade, como o Mundial de Paracanoagem, campeonato europeu, Copa do Mundo (ouro em 2019 e em 2023) e nos Jogos Paralímpicos (bronze no Rio/2016 e ouro e prata em Tóquio/2020).
 
Pupo reside na Ilha Comprida há quase 30 anos, 15 dos quais atuando também como professor de canoagem na escola náutica do município. A Ilha abriga o Polo Nacional de Paracanoagem, no Mar Pequeno, onde são feitos os treinamentos dos principais paratletas brasileiros, numa parceria que envolve a prefeitura municipal e a confederação brasileira da modalidade.
 
Entre os paratletas que treinam na Ilha Comprida está o paranaense Giovane Vieira, 25 anos, medalhista de prata nas Paralimpíadas de Tóquio (2020) e de bronze na Copa do Mundo da França (2023). O paracanoista também foi campeão no Sul-Americano (2018) e no Pan-Americano de 2017 e 2023, entre outros títulos. Com 11 anos de idade, Giovane teve uma perna amputada ao cair de um trem em movimento e, aos 16, começou a se dedicar à canoagem, depois de passar pelo atletismo e a natação. Há cinco anos, é treinado por Thiago Pupo.
 
A conversa com os medalhistas paralímpicos Thiago Pupo e Giovane Vieira é aberta a todos os públicos e começa às 19h, na Área de Convivência do Sesc Registro.